logo Gusmão
Fale Conosco

(11) 3998-2020

Saiba como é feito o vidro duplo e quais os equipamentos necessários


Também conhecido como insulado, o vidro duplo é a melhor opção quando o objetivo é promover isolamento acústico. Bastante demandado em diversos tipos de construção, como hospitais, hotéis, escritórios e residências que buscam conforto aos usuários, a produção do vidro duplo é uma oportunidade de negócio a ser explorada por beneficiadores dada sua crescente aplicação. O vidro duplo também é eficiente no aproveitamento de toda a luz natural e para impedir a transferência do calor.

 

O sistema de envidraçamento duplo combina duas lâminas de vidro, ligadas por um perfil de alumínio com uma camada interna de ar desidratado, que pode ou não conter gás argônio. A câmara de ar é criada por um espaçador em alumínio. Quem evita a umidade e condensação dentro da câmara é a sílica. Existem câmeras de ar de 6, 8, 10, 12, 16 ou 24mm.

 

Todo processo é importante, pois, se houver troca de ar, o vidro irá com o tempo embaçar e não será possível limpar por dentro. Então, é importante utilizar produtos de qualidade. A GR Gusmão possui as máquinas para vidro duplo que são necessárias em sua produção.

 

Carregador de sílica

 

Um deles é carregador de sílica para fazer a dosagem adequada dentro dos perfis de vidro sem desperdício. O corta perfil para vidro duplo ou insulado garante uma precisão milimétrica e eficiente no corte dos perfis para montagem da estrutura interna de alumínio. A Gusmão possui ainda o carregador de gás para aplicação na camada intermediária do vidro duplo.

 

Corta perfil

 

Confira mais máquinas para vidro duplo que você encontra na GR Gusmão:

 

Desmineralizador automático Mod. M2CA 50: O desmineralizador de água modelo 2CA é composto por dois cilindros separados, que contêm resina de cationica de alta capacidade de reciclagem, ao contrário de outras máquinas sofisticadas. A sua construção é simples, funcional e de confiança, seus componentes são testados e muito duradouros e exigem uma manutenção mínima.

 

Todos os componentes são feitos de material resistente aos ácidos. As resinas iónicas da troca são colocadas em dois cilindros do vinylester resistentes à pressão da água (máx. de 3 bar). Um medidor eletrônico - dotado de um sinal de alarme, que pode ser calibrado - assegura um controle constante da água tratada e indica quando se deve proceder a regeneração da resina, que começa simplesmente acionando uma tecla executada automaticamente.

 

Cada unidade é composta por dois recipientes de plástico para os regenerantes, que são selecionados diretamente dos recipientes e colocados no assoalho. Em caso da falha a regeneração pode ser executada manualmente.

 

Desmineralizador

 

Butiladora para vidro duplo ou insulado: Faz a aplicação automatizada do Butyl com rapidez e segurança.

 

Extrusora Mescladora: equipamento utilizado para mistura e aplicação de polisulfeto na produção de vidros duplos ou insulados.

 

Freezer: para proteção do bico aplicador contra endurecimento do Thiokol. Possui regulagem automática.

 

Mesa Giratória: necessária para a fixação e giro do vidro duplo ou insulado na hora da vedação final.

 

Prensa para vidro duplo: Possui um sistema moderno e prático com operação manual, oferecendo o menor custo-benefício do mercado.

 

Prensa para vidro duplo

 

 


Comentários