logo Gusmão
Fale Conosco

(11) 3998-2020

Gusmão oferece ventosas manuais e motorizadas para manuseio do vidro


O sistema à vácuo é um dos métodos mais seguros para manusear e movimentar o vidro. Funciona através de ventosas que seguram por sugação pelo contato. As ventosas para manuseio do vidro são muito eficientes, tanto no deslocamento vertical como horizontal. Existem diferentes tipos de ventosas para movimentação do vidro, que variam conforme o peso e tamanho das chapas.

 

Para cada necessidade variam o diâmetro e quantidade das ventosas. Há muito modelos manuais, bastante eficientes para até 20kg. Para uma peças mais robustas, o indicado são os tipos de ventosas para movimentação do vidro associados a um equipamento de içamento, que suportam até uma tonelada de vidro.

 

As versões manuais mais comuns dos tipos de ventosas para movimentação do vidro são a simples, com um ponto de sucção; a dupla, com dois pontos de sucção; e a tripla, com três pontos de sucção. Há ventosas com até 12 pontos de fixação. A ventosa vidro é de fácil manuseio e garante a segurança na movimentação do vidro, que, apesar de resistente, também é um material frágil, podendo ser danificado nesta manipulação.

 

A Gusmão disponibiliza ventosas em diversos modelos. A ventosa para grua manual 4GB 2C é um equipamento de sustentação e movimentação de cargas por sistemas de vácuo, com duplo circuito de segurança. Tem função manual com rotação de 360°, função de basculamento de 90° e alimentação de 220 V. C.A.

 

Pode ser utilizada para instalações de sacadas e pele de vidro, bem como  para uso interno para movimentação de chapas de vidros. Tem capacidade de carga de até 600kg e as seguintes dimensões: normal - altura: 962mm, largura: 610mm e espessura: 410mm. Basculada-  altura: 813mm e largura: 637mm.

 

Para a grua manual, a Gusmão possui a 4GB 2C bateria, que tem duplo circuito de segurança. Possui função manual com rotação de 360°, função de basculamento de 90° e alimentação de 220 V. C.A. Sua capacidade de carga é de até 360kg. Dimensões: normal - altura: 962mm, largura: 610mm e espessura: 410mm. Basculada - altura: 813mm e largura: 637mm. Dotada de bateria recarregável para alimentação, com capacidade para até oito horas de funcionamento.

 

Já a ventosa 4GB 2C motorizada tem duplo circuito de segurança, função motorizada com rotação de 360°, função de basculamento de 90° e alimentação de 220 V. C.A. A capacidade de carga é de até 600kg. Dimensões: normal - Altura: 1436mm, largura: 875mm e espessura: 680mm. Basculada - altura: 1195mm e largura: 921mm.

 

 

 

Uma das novidades da Gusmão é a  ventosa elétrica, equipamento com moderna tecnologia que por meio da formação de vácuo manuseia com segurança chapas de vidro. As ventosas podem ser controladas individualmente, nos quatro pontos de fixação.  A máquina é 100% nacional, fabricada em estrutura de aço tubular SAE 1010, conforme norma técnica TQ NBR6591 e chapa ASTM A36, construída dentro das normas NR12 e NR10.

 

Possui sistema de giro de 360º, basculamento 180º vertical ou horizontal, sistema de segurança antiqueda, sistema automático para reconhecimento do vidro, braço de içamento removível para transporte e sistema com controle de pressão de vacuostato digital. Para maior tranquilidade o equipamento dispõe de sistema de segurança antiqueda e sistema automático para reconhecimento do vidro. O equipamento é acionado a bateria e nas voltagens 110V e 220V.

 

Já a ventosa V6AC tem capacidade de carga de 900kg, seis pontos de fixação, giro 360º automático e 90º de basculamento, alimentação de 220 volts monofásica e liberação da chapa através da botoeira. Com peso de 140kg e em pintura epóxi, a máquina é equipada com válvula de retenção no sistema de vácuo para queda de energia. A empresa oferece um ano de garantia.

 

O corpo da ventosa costuma ser em alumínio ou plástico sólido e o ponto de sucção emborrachado. A liberação da chapa é feita por meio de uma botoeira. A utilização errada da ventosa para vidro pode danificá-la e diminuir sua vida útil. Por isso, é importante seguir as recomendações dos fabricantes e não viciar o equipamento na posição de sucção por muito tempo quando está fora de uso.  

 


Comentários